18 de abr de 2012

A modéstia e o bom senso de mulheres cristãs


Começaremos com uma pergunta.
Quem admite que por vezes erra na hora de se vestir ?
Não estou falando de cor, tendencia e moda, mas de conveniência e santidade?

O objetivo não é acusar ninguém, não se sinta assim.
Mas sim confrontarmos nossas idéias e pensamentos.
Como assim confrontar?
Este confrontar é mais ou menos assim:
Pensamos e agimos de uma forma, aí vem Deus com Sua Palavra e nos lança outra ideia e forma de agir, então analisamos e escolhemos o que é o melhor, decidimos continuar fazendo o que achamos certo, ou se o que Deus nos propõe é o melhor. ( A vontade de Deus é sempre a melhor)

Vamos falar um pouco sobre modéstia na forma de pensar, se comportar e se vestir.

O que é Modéstia para você?

Segundo o dicionário Priberam:
Modéstia:
1. Desejo de não dar nas vistas.
2. Manifestação desse desejo.
3. Pudicícia, recato.

Modesto:
1. Regular, moderado, sem orgulho.
2. Não luxuoso

Para sermos bem, mas bem simples a modéstia é não se exibir. 


Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos,
Mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras.
1 Timóteo 2:9-10


O que Paulo quer dizer?

Não exiba suas jóias, não exiba suas roupas, não exiba seu corpo, não exiba suas curvas, mas que o que seja visto claramente em sua vida sejam as suas obras para Deus!

A modéstia e o bom senso de mulheres cristãs

A modéstia começa no coração. Paulo faz uma ligação importante entre o coração e as roupas. Algumas mulheres vão insistir em usar o tipo de roupas que elas querem, dizendo que ninguém pode mostrar onde Deus especificamente proibiu mini-saias, ou mini-blusas, ou biquinis, ou roupas muito justas. O problema nesses casos não é a falta de alguma regra específica nas Escrituras, mas a ausência de uma atitude certa no coração. Regras no vestuário não fazem a mulher modesta. Se o coração estiver errado, a mulher não será mansa e modesta.

"Como mulheres cristãs na igreja vocês podem ser uma bênção ou uma distração"

Uma mulher cujo entendimento é baseado nos princípios das Escrituras e cujo coração é dedicado a Deus, se vestirá decentemente. Ela não vai procurar chamar atenção por meios carnais, pelo uso de roupas dispendiosas ou que mostram o corpo.
As vestes da mulher revelam quem ela é, revelam também se ela é santa ou não.
As nossas vestes revelam nossas intenções, ou a nossa falta de cuidado.
Se eu sei que uma parte no meu corpo chama a atenção eu não devo expô-lo mais, mas sim mantê-lo discreto.

                                                  Vestindo-se para agradar a Deus

Muitas igrejas erram por inventar regras humanas sobre roupas. Mas, muitas outras erram por recusar a estudar e ensinar, cuidadosamente, o que Deus tem dito, para ajudar cada filho de Deus pensar e se vestir de uma maneira que glorifica o nome dele. Que possamos nos vestir para ele, começando com o próprio coração.



É possível ser bonita e elegante sem ser sexy ou vulgar?

Sim, preciso ser santa, e mostrar isso nas minhas vestes, isso não quer dizer que estarei feia, estarei bonita sem desagradar o Espirito de Deus.

Um dica: Homens de Deus procuram mulheres de Deus, com pensamentos de Deus.
Homens carnais e pecadores procuram um corpo para se aproveitar.


Que sejamos mulheres segundo o coração de Deus e tenhamos qualidades que O agrada, não podemos esquecer que temos que ama-Lo acima de tudo, agrada-Lo acima de tudo, e mostrar isso em tudo!


Deus abençoe!

(Estudo ministrado no encontro de Solteiras com Propósito 06/04/2012)
Paula Prado

Nenhum comentário:

Postar um comentário