7 de jan de 2017

O Evangelho de João - Dia 1

O objetivo deste estudo não é fazer um comentário expositivo do Evangelho de João, mas falar sobre alguns temas que me chamam atenção neste tempo de leitura.

Durante esses 21 dias, vou postar aqui uma pequena ministração em cada capítulo. É claro que em todos os capítulos poderíamos fazer infinitas meditações, por isso também, eu deixo aberto àqueles que queiram falar algo sobre capítulo.

Hoje gostaria de falar sobre cap. 1 vers.-4:5

A escuridão é um tipo de situação que não gera nenhuma segurança. Podemos falar de uma série de tipos de escuridão. Um exemplo seria uma situação de estarmos em um ambiente completamente sem luz. Isso gera um risco, porque não vemos nada. Ou uma rua escura pode ser perigoso pois não conseguimos calcular os riscos à frente.

Mediante a esses exemplos, poderíamos falar sobre a escuridão na alma. Uma escuridão onde não temos a capacidade de ver o que ou quem somos de fato. Uma escuridão que enche de medo e descontrola nossas emoções. Uma escuridão que ofusca nossa verdadeira identidade.

Se as trevas vier a dominar a alma/coração/caráter/personalidade do homem então estaremos totalmente perdidos e sem direção.

Porém o Verbo de Deus, pelo qual todas as coisas vieram à existência, é a fonte de vida e Luz do mundo. A luz que brilha nas trevas, e as trevas não podem vencer a Luz.

Em meio uma situação de escuridão, para quem busca segurança quer ter algum feixe de luz para dar uma direção.

A humanidade estava em total escuridão; eu e você vivíamos em total trevas (Jo. 3:19). No entanto a verdadeira luz, que ilumina a todos, veio ao mundo. A luz que brilha mais que o Sol, o Criador de todas as coisas, veio nos tirar das trevas e nos levar para sua maravilhosa luz (1Pe 2:19).

A luz de Cristo de fato revela quem somos, mostrando nossa vulnerabilidade e falhas. Mas é uma luz que nos dá uma direção; a luz que nos guia a um caminho seguro, e fora desta luz não há outra forma de segurança.

Antes a falta de luz ofuscava nossa identidade, porém agora a Luz de Cristo, quando ela invade nosso ser, ela mostra que nos tornamos filhos de Deus.

Hoje nossa oração é para que permitimos que a luz de Jesus nos ilumine e nos tire da escuridão, mostre quem somos de fato, venhamos tomar posse desta nova realidade, e sejamos mudados por Ele.



Texto de autoria de André Evangelista




3 comentários:

  1. Paz do Senhor Silas! Que texto lindo e tão cheio de verdade.Realmente Jesus e a Luz em tds as áreas de nossas vidas,em cada passo que eu dou e Ele quem me orienta e td eSta dando certo em minha vida.Graças a Esse Guia tão maravilhoso que é Jesus.Posso afirmar que antes qd não dava ouvidos pra Jesus mesmo "indo" a igreja,porém não O servia.A minha vida era só sofrimento,escuridão não podia ver "nada",qd eu digo nada eu me refiro,não podia ver o que Jesus queria pra minha vida,não entendia que não nascemos somente pra sentarmos num banco de uma igreja e ali alimentarnos da palavra e ali nos enCher da graça de Deus e não distribuir a ninguém.Usando nosso dom pra ajudar ao próximo,ou até mesmo pregar o evangelho.Quando deixei a Luz de Deus brilhar em minha vida em meu ser,percebi que td começou a mudar,td começou a.clarear,percebi qt tempo eu perdi em não deixar Cristo ser meu Guia....TE AMO JESUS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paz do Senhor, Andreia.
      Ficamos muito felizes em saber que Deus nos usa para abençoar as pessoas. Glória a Deus por isso.
      Que nós sempre deixamos a Luz de Cristo resplandecer.

      Excluir
  2. Paz Andreia!
    Essas ministrações tem falado profundamente aos nossos corações e por isso achei bom compartilhar aqui. O texto é de um amigo nosso e faz parte de uma série de 21 postagens.
    Vou pedir para ele passar aqui e responder ao seu comentário.
    Obrigado por comentar e continue acompanhando diariamente.
    Fica na paz do Senhor!

    ResponderExcluir