23 de jan de 2017

O Evangelho de João - Dia 16

Paz irmãos. Neste décimo sexto dia eu gostaria de falar sobre:
João capítulo 11

Elas disseram a Jesus, "Senhor, venha e veja" (Jo.11:34).

As Boas Novas de Jesus é um convite para experimentar os milagres de Deus. E o único requisito a viver essa experiência é "Crer".
A ressurreição de Lázaro é uma história dramática com um final vitorioso ois não só Lázaro recebeu o milagre, mas suas irmãs também.
No Evangelho de Lucas cap. 10:38-41 fala um pouco de Marta e Maria (irmãs de Lázaro).
A hospitalidade desta família vem a tona quando Marta convida Jesus para ficar em sua casa.
Nesse período de estadia, Jesus estava ensinando, e Maria fica *sentada* aos pés de Jesus ouvindo seus ensinos, porém Marta estava toda inquieta procurando a melhor forma de servir ao Mestre. É bem uma característica de uma pessoa hospitaleira, não sabe o que faz para agradar a visita.
Mas era como se Jesus dissesse para ela: Marta venha ouvir as coisas que eu tenho a dizer, pois vão chegar dias difíceis no qual você precisará guardar essas verdades.
Uma coisa é certa, o dia mal chega para todos. E quando esse dia chegar, a única coisa que vai nos sustentar é as verdades de Cristo. Ouvi-las e guarda-las são essências. Talvez fosse isso que Jesus quis dizer à Marta.
E parece-me que foi isso mesmo que Marta fez. Lucas não nos dá essa informação, mas imagino que Marta neste momento parou seus afazeres e *sentou* também aos pés do Mestre.
Tempos depois Lázaro ficou muito doente e suas irmãs enviaram uma mensagem a Jesus dizendo o quão grave era. Elas sabiam que Jesus poderia ajudar.
Quando Jesus chega à cidade delas, Lázaro já tinha morrido e sido sepultado. Que desespero!
Elas criam que Jesus poderia curar seu irmão. Criam que se Jesus estivesse lá, ele não teria morrido.
As irmãs recebem a notícia da chegada de Jesus e Marta vai ao seu encontro, porém Maria ficou sentada em casa.
Isso chama sua atenção??
Maria, aquela que sentou aos pés de Jesus, no momento de praticar o que aprendeu, o dia mal a manteve sentada.
Enquanto isso Marta correu para Jesus, certa de que ele tinha a solução.
Não digo que Maria não tinha essa certeza, porém Marta reagiu diferente.
Era a hora de exercer o que aprendeu de Jesus. "Marta, Eu sou a ressurreição e a vida,
aquele que crê em mim, ainda que morra, viverá". E Marta responde: -Eu creio que tu és o Cristo.
De alguma forma Marta tinha certeza que viria o milagre.
Jesus manda chamar Maria. Penso que era vontade de Jesus que Maria saísse daquela situação prostrada. Queria que ela também fosse ao encontro dele e visse o milagre.
Maria não teve as mesmas palavras de Marta, mas o seu choro comoveu coração de Jesus.
Não é que Jesus não queria que Maria não chorasse, mas Jesus tirou Maria de casa para que ela chorasse no lugar certo. Para que chorasse junto daquele que poderia solucionar seus problemas. Seus amigos estavam em sua casa a consolando, mas nada eles poderiam fazer! A tristeza fez com que Maria nem se levantasse ao ouvir que Jesus estava na cidade, Porém Jesus a chama para que ela chore junto dele, e tenha suas lágrimas enxugadas.
Jesus pergunta a ela onde Lázaro foi colocado. E Maria responde: "Venha e Veja".
A resposta de Maria era: venha e veja minha condição de morte, de tristeza, de agonia.

Mas a resposta de Jesus é se crer verás a glória de Deus, se crer verás o milagre. Venha e Veja, porque eu sou a ressurreição e a vida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário